RECEPTORES DE TV AQUECENDO POR CAUSA DA REDE ELÉTRICA [EXPERIÊNCIA DO LEITOR]

490

O leitor Carlos Henrique, técnico experiente em instalação profissional de equipamentos para a recepção de tv, nos enviou esta excelente contribuição, que complementa e melhora bastante a matéria que publicamos recentemente sobre aquecimento em receptores de tv via satélite e outros.

RECEPTOR DE TV VIA SATÉLITE QUE ESQUENTA MUITO, NORMAL OU PROBLEMA?

Achei interessante esse seu artigo e gostaria de comentar uma situação que já passei por isso.

Instalo coletiva de parabólica para hotéis principalmente em MG (embora sou de SP). E lá estava ocorrendo o superaquecimento de todos os aparelhos do rack. Não conseguia sequer colocar a mão sobre os aparelhos. E com isso começou a queima prematura dos mesmos. Ao abrir os aparelhos danificados, notei que a placa de retificadores (fonte) estava na maioria dos casos, queimada, esturricada pelo excesso de calor. Pensei em aumentar o dissipador do transistor regulador existente nestas fontes mas vi que também ia continuar o problema. Estaria montando um Rack que ia servir para aquecimento local, uma fornalha.

Daí veio a feliz idéia de checar a voltagem da rede elétrica e constatei que no local deveria ter algo em torno de 110 a 127 Vac tínhamos na realidade 137 Vac. Isso ocorre e muito em regiões fora do centro de grandes cidades. Questionei a concessionária na região (Eletromig) e esses prontamente vieram checar. Informaram que aquilo seria normal pois eles precisavam aumentar a tensão na rede por vários fatores.

Partindo então de que não ia poder resolver com eles, instalei um redutor de tensão, um Auto-transformador de reduzia dos 130 e poucos para 110 Vac. Também inclui uma modificação no transistor regulador da fonte dos principais aparelhos colocando um dissipador maior. Isso já faz uns 10 anos atrás e posso jurar para vc que nunca mais deu problema nas fontes dos aparelhos, principalmente os amplificadores.

Hoje sabemos que a maioria das fontes são chaveadas e que aquecem de qualquer jeito. A solução que vejo realmente é aumentar o dissipador e NUNCA utilizar ventoinhas pois essas funcionam como verdadeiros aspiradores de pó que nos obrigam a abrir os aparelhos para limpeza todo ano. Agora, fazer isso nesses aparelhos pequenos é difícil.

Enfim, um comentário por situações que já passei.

Agradeço muito ao Carlos Henrique por ter permitido a publicação do seu texto.

Você também pode enviar sugestões ou contribuições de matérias para richardelima@gmail.com, sua contribuição abrilhanta o nosso site.

SIM, NÓS TEMOS TELEGRAM E SE VOCÊ TEM TAMBÉM CLICA LOGO NO LINK AÍ E CONHECE O NOSSO: https://t.me/gpspezquizaoficial