Divulgou app IPTV pirata para vender mais smartphones e se deu mal

551

Quem nunca se deparou com a oferta de um produto ligado Á  tecnologia smart ou plano de internet alta velocidade em que o vendedor, para tentar “ajudar” o cliente, oferta junto algum serviço que não faz parte do produto vendido mas que agrega a funcionalidade de assistir aos canais da tv por assinatura sem precisar pagar pelo pacote Á  operadora?!

No Brasil, pelo menos, isso acontece muito e eu mesmo posso te contar o que aconteceu por aqui quando migramos da antiga GVT para uma conexão TIM Fibra. A vendedora, junto com a oferta da conexão de internet via fibra, já engatou tambÉm a oferta de um serviço IPTV pirata por R$ 30 por mês que ela mesma podia intermediar para a gente, se nós aceitassemos contratar o serviço adicional.

O que acontece É que as operadoras, quando acabam o cabeamento de seus serviços de internet rápida em algum bairro, contratam o serviço de terceirizados para a venda das conexões ao cliente final. O tal vendedor terceirizado muitas vezes recebe por comissão e, para aumentar o seu faturamento, agrega esse tipo de produto indevido Á  oferta para o cliente final, junto assim um produto que seria complementar ao outro.

Olhando do ponto de vista do mercado, o consumidor que resolveu migrar de uma operadora que ofertava TV+Internet+Telefone mas cuja internet era muito mais lenta e problemática; para uma operadora que só oferta internet fibra + telefone (como É o caso do TIM Fibra), acaba por se inclinar a aceitar a oferta de IPTV do vendedor da operadora, para não ter que contratar somente a tv na operadora oficial pagando um valor muito alto ou, atÉ mesmo, não ter que ficar sem tv por assinatura.

Caso parecido mas que muitas vezes não inclui a intenção de fazer um lucro adicional vendendo o IPTV pirata É o caso de alguns vendedores de loja de eletrônicos, smartphones, smart tvs; que indicam e atÉ mesmo explicam para o consumidor que tal smart tv ou outro aparelho smart É compatÁ­vel com esse ou aquele serviço de canais ou filmes e sÉries “gratuitos”.

Se você conhece algum caso do tipo que contei aÁ­ sobre a tal vendedora terceirizada que vendeu conexão TIM Fibra aqui no meu bairro, me conta aÁ­ atravÉs do e-mail richardelima@gmail.com que eu gostaria de saber.

Vendedora demitida e multada por promover IPTV pirata Popcorn Time

Vejam só o que aconteceu com essa vendedora de uma loja de smartphones. Ela foi demitida e posteriormente processada por um estÁºdio produto de filmes nos Estados Unidos pois, para aumentar a quantidade de smartphones vendidos por ela na loja em que trabalhava, a mulher ensinava os seus clientes como instalar e usar o aplicativo de IPTV piratar Popcorn Time.

O Popcorn Time É um aplicativo que agrega milhares de conteÁºdos de tv fechada, cinema, sÉries e etc. usando a tecnologia peer-to-peer (P2P) vai torrent.

Não se sabe em que momento ou de que maneira exata a estratÉgia da vendedor deu ruim, mas subentendesse que ela ofertou o tal benefÁ­cio extra de assistir tv de graça a algum cliente ligado Á  indÁºstria de cinema dos Estados Unidos (o caso ocorre lá, nos Estados Unidos). A partir daÁ­ um dos estÁºdios afetados pela ação da vendedora juntou provas de que ela estava promovendo o IPTV PopCorn Time para os seus clientes e, veja só isso, conseguiu atÉ mesmo que a conexão de internet particular da moça fosse investigada para constatar que ela mesma baixou diversos conteÁºdos pirateados via Popcorn Time.

No final das contas o estÁºdio que participou do processo como vÁ­tima, pedia na justiça uma indenização no valor de 162,5 mil dólares (algo em torno de 900 mil reais). O juiz do caso, no entanto, resolveu aplicar uma multa bem mais amena. A moça terá que pagar uma indenização no valor de 6,2 mil dólares (pouco mais que 30 mil reais).

O estÁºdio justificava o valor pedido apoiando-se nos tÁ­tulos pirateados que teriam sofrido um forte prejuÁ­zo por conta da pirataria via IPTV, alÉm do fato de a moça estar usando a divulgação do IPTV pirata para alferir mais lucros com a venda de smartphones.

O juiz, no entanto, não entendeu que o caso teve essa gravidade toda, diminuindo substancialmente o valor da indenização a ser paga pela vendedora. De qualquer maneira o castigo foi bem dolorido e ela irá pensar duas vezes antes de querer repetir estar estratÉgia de vendas.

Entra pro nosso canal no Telegram clicando aqui, clica agora aÁ­ vai!

.