Youtube censurou vÁ­deo do Porta dos Fundos

884

Avalie este artigo [starrater tpl=10]
Quem trabalha em parceria com com os serviços de monetização do Google sabe que há uma forte tendência do Google em não monetizar conteÁºdos considerados impróprios.

Não que o Google não indexe e não mostre nos resultados de busca resultados adultos e com conteÁºdo considerado impróprio ou ilegal, no entanto, estes conteÁºdos não podem ser usados pelos parceiros do Google que querem ganhar dinheiro atravÉs dos sistemas de monetização da empresa.

O Google costuma ser um pouco mais camarada em relação ao Youtube, há na plataforma de vÁ­deos do Youtube alguns conteÁºdos mais pesados, com fortes palavrões e forte conotação sexual e que recebem a monetização do Google.

Este tipo de conteÁºdo está inclusive presente nos vÁ­deos do Porta dos Fundos, atualmente um dos maiores sucessos do Youtube em relação aos canais de todo o mundo.

Mas na Áºltima segunda feira o Youtube considerou que o Porta dos Fundos passou da medida e resolveu censurar o vÁ­deo intitulado como Inferno que foi colocado pelo canal Porta dos Fundos.

Em Inferno É mostrado um homem que morreu, foi para o inferno e precisa pagar favores sexuais para o capeta.

Ao tentar acessar o vÁ­deo no Youtube, o usuário só consegue assistir ao vÁ­deo se logar na sua conta do Gmail para provar que tem mais de 18 anos.

Apesar da obrigatoriedade o vÁ­deo Inferno está indo muito bem, com 1,5 milhões de visualizações e milhares de curtidas.

O Porta dos Fundos liberou o vÁ­deo no site próprio dos humoristas sem nenhum tipo de censura.

Os humoristas tambÉm souberam usar a censura do Youtube para promover ainda mais o vÁ­deo atravÉs das redes sociais.

Youtube censurou video do porta dos fundos


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here