Financie sua Energia Solar em até 72 vezes – Veja aqui em quanto fica

1569

Se você não está considerando instalar energia solar em sua residência saiba que, com toda certeza, você pode estar rasgando uma montanha de dinheiro ao insistir em ficar refém da concessionária de energia em seu estado.

Faça uma coisa, busque a sua conta de energia, olhe o total que você está pagando e quantos KWh (kilowats hora) a sua residência consumiu no mês para estar pagando este valor. Em grande parte dos estados brasileiros, neste momento, o valor que o consumidor está pagando na fatura de energia elétrica, considerando o total de KWh que ele consumiu, é suficiente para pagar o financiamento da instalação de um sistema de energia solar na casa dele. Fica praticamente “pau a pau”.

“E qual é a vantagem disto, já que somente empata em relação ao que vou pagar para a concessionária do que vou pagar pelo financiamento de um sistema de energia solar?” – você deve ter pensado. Se pensou, vamos pensar com mais calma. A vantagem é que você pagando para a concessionária, o sistema de geração de energia será sempre de responsabilidade da concessionária em ter essa geração e revender para você, o que te dá a certeza que você sempre pagará para consumir energia elétrica enquanto a energia da sua casa estiver usando a rede da concessionária. Já se você compra o seu próprio sistema de geração de energia, neste caso um gerador de energia solar, você estará pagando pelo financiamento dele ao mesmo tempo em que estará gerando energia na sua casa e com isto pagando 95% a menos na sua fatura de energia elétrica; e quando quitar p financiamento o sistema de geração de energia solar será totalmente seu (sem mais pagamentos por ele) mas a sua fatura de energia da concessionária continuará 95% menor do que seria se estivesse pagando a mesma quantidade de energia que consome para a concessionária.

“E por que a fatura não diminui 100%” – provavelmente você também deve ter pensado isso. Ela não diminui 100% pelo fator de você continuar interligado à rede da concessionária, tanto para usar esta rede para armazenar a energia solar excedente que o seu sistema produzir, assim você fica com crédito de energia para consumir posteriormente, quanto para uma eventualidade onde o seu sistema não possa produzir a quantidade de energia que você estará consumindo, aí a concessionária irá lhe fornecer a energia excedente que você necessitará.

Ou seja, é uma segurança a mais e uma comodidade continuar conectado à rede da concessionária, pagando apenas a taxa mínimo que equivale ao valor de 30 KWh para quem é cliente monofásico.

Vai por mim, vai de energia solar o quanto antes que é sucesso, além de você se prevenir de eventualidades futuras que fogem ao nosso controle, por conta do momento bastante turbulento pelo qual o mundo está passando. Vai que as grandes nações resolvam dificultar a vida uma da outra e o comércio e produção de energia enlouqueçam? Um cenário assim não foge muita da nossa perspectiva de futuro e pode dificultar bastanta a vida de todos nós, cidadãos comuns.

E se você pensa que não consegue pagar por um sistema gerador de energia solar, vou te mostrar agora que não é bem assim como você está pensando.

Vou usar a fatura de energia elétrica da minha casa para fazer as contas e você ter uma ideia de quanto custa e qual é o valor de financiamento do sistema. Depois deixarei mais dois exemplos, um de um sistema mais barato e outro de um sistema gerador de energia solar mais caro. Vamos lá!

Sistema gerador de energia solar, quanto custa e valores de prestação em financiamento

Acredito que grande parte dos nossos leitores saibam que eu moro em Goiânia-Go, sendo assim, a concessionária aqui da minha região é a Enel.

A fatura de energia da minha residência neste mês me cobrou um consumo de 414 KWh. O valor total da fatura foi de 359,80, sendo que pelo consumo estou pagando R$ 336,00 mais R$ 23,80 de outros penduricalhos da conta, como a taxa de iluminação pública.

A fatura informa que o preço de cada KWh consumido é de R$ 0,8116. Então os R$ 336 correspondem aos 414 KWh multiplicado por R$ 0,8116.

Tenha em mente que o tipo de sistema que estaremos calculando aqui os valores é o do sistema ongrid, aquele tipo de sistema que é conectado à rede da concessionárai para, como eu disse acima, usar a rede da concessionária como armazenadora da energia que você produz e backup de energia caso ocorra alguma eventualidade de produção de energia no seu sistema.

A informação imediata que vamos considerar neste momento, para saber o quanto pagariamos em um sistema que suprisse toda a necessidade de consumo que temos, é a informação do total de KWh consumido no mês, no caso citado acima, 414 KWh. Mas espere aí, uma conta mais exata é a que nos informa a média de consumo de KWh anual, informação que a sua conta de energia também trás para você.

Isso por que não é todo mês que eu vou consumir 414 KWh certinho, tem mês que vou consumir mais, tem mês que vou consumir menos. É por isto que somamos o consumo dos últimos 12 meses e dividimos por 12, no meu caso essa média é de impressionantes 540 KWh. Essa média tão mais alta que o meu consumo neste mês vem pelo fato de que eu tinha alguns problemas aqui na minha rede que estavam “roubando” energia, ou seja, gastando energia sem que na realidade estivéssemos aproveitando essa energia para algo útil. É um problema que você também pode estar tendo na sua casa.

Uma fatura da concessionária Enel para o pagamento de 540 KWh me cobraria, hoje, mais ou menos R$ 462,06.

Veja: Ladrão de Energia Elétrica na minha casa

Vou então calcular aqui um sistema que atenderia a minha média de consumo como 540 KWh por mês.

O sistema mais aproximado para este meu consumo levaria 13 painéis solares de 345W cada e todo o equipamento necessário, além do projeto e a homologação do sistema junto à concessionária, para que ele possa ser interligado à rede e assim abater a produção da fatura de energia da concessionária, bem como creditar o excedente para o meu uso futuro.

Esses 13 painéis solares de 345KWh gerariam aproximadamente 568 KWh mês, que são 20 KWh acima dos 540 da minha média de consumo.

Esse sistema gerador de energia solar que produzirá 568 KWh sairia para mim, já instalado e funcionando, por um preço entre R$ 20.294,32 e R$ 22.720,81, pois depende de alguns fatores relativos ao local da instalação para que se possa dizer o preço exato.

Se eu optasse por financiar esse sistema em 100% e em 72 vezes, eu pagaria para a financeira uma prestação entre R$ 461,29 e R$ 516,44.

Ora, se a minha residência tiver a condição ideal de instalação e eu resolver financiar o sistema em 100%, o valor da fatura da concessionária pelos 540 KWh, que calculamos acima como R$ 462 é o valor da prestação do financiamento, que é R$ 461,29 e eu ainda ficaria com crédito de 28 KWh acumulados ao meu favor, mensalmente.

É claro que eu também poderia estar na situação de a condição de instalação do sistema para mim ser o mais complicado, aí nesse caso o valor do sistema 100% em funcionamento e homologado subiria um pouco, mas na pior das hipóteses a prestação seria de R$ 516,44, ou seja, R$ 55 a mais que fatura que eu pagaria para a concessionária, mas mesmo assim muito vantajoso, já que quanto eu finalizar o pagamento desse financiamento, depois dos 72 meses/6 anos, esses R$ 55 iriam me render muito mais durante os próximos 20 anos para frente.

Ou seja, é um baita de um bom investimento com uma lucratividade muito alta. E olha esses R$ 55 a mais seriam na conta com o preço da energia elétrica atual, mas com certeza em breve virá um aumento, e no próximo ano outro, e no outro ano outro; e os tais R$ 55 de diferencia vão ficar menos e até sumir ao longo dos 6 anos de pagamento do financiamento.

Simulação do valor de um sistema e financiamento para um consumo de 200 KWh por mês

Se o consumo acima te assustou, pois é um consumo realmente alto, vamos agora simular para um consumo de 200 KWh mês.

Quantidade de painéis solares instalados: 5 painéis solares de 345W.

Quantidade de KWh mensais gerados através da energia solar neste sistema: 218

Preço do sistema 100% em funcionamento: de R$ 12.272,66 a R$ 13.740,05

Valor da prestação mensal em 72 vezes: de R$ 278,96 a R$ 312,31

Simulação do valor de um sistema e financiamento para um consumo de 300 KWh por mês

Quantidade de painéis solares instalados: 7 painéis solares de 345W.

Quantidade de KWh mensais gerados através da energia solar neste sistema: 306

Preço do sistema 100% em funcionamento: de R$ 13.197,36 a R$ 14.775,31

Valor da prestação mensal em 72 vezes: de R$ 299,98 a R$ 335,84

Simulação do valor de um sistema e financiamento para um consumo de 400 KWh por mês

Quantidade de painéis solares instalados: 10 painéis solares de 345W.

Quantidade de KWh mensais gerados através da energia solar neste sistema: 436

Preço do sistema 100% em funcionamento: de R$ 15.563,55 a R$ 17.424,41

Valor da prestação mensal em 72 vezes: de R$ 353,76 a R$ 396,06.

E aí, clareou mais as ideias para você? Viu que você consegue sim pagar um sistema gerador de energia solar para a sua casa e entendeu que ele com certeza é um grande benefício para a sua família para pelo menos os próximos 25 anos?

Se você quiser saber mais detalhes sobre os valores que coloquei acima e sobre a instalação de um sistema de energia solar ongrid na sua residência, peça essas informações para mim pelo e-mail richardelima@gmail.com que eu te coloco em contato com pessoas certas para isto.

Até mais e continue conosco.

Entra pro nosso canal no Telegram clicando aqui, clica agora aí vai!

.