Governo aprova Receptor de TV capado para Rio Verde

754

Tanto tempo para o governo brasileiro conseguir fornecedores de receptores de tv digital terrestre para distribuir para a população de baixa renda mas, como tudo que é feito nesta nossa terrinha, a coisa está sendo feita de última hora e a verdade é que está sendo feita… nas coxas.

E quem vai levar em primeiro lugar é a população de Rio Verde, Goiás, que será a cidade teste para o apagão da tv analógica.

É o seguinte, o tal receptor para poder exibir todas as funcionalidades de interatividade precisa de uma conexão com a internet.

A conexão com a internet o governo não vai dar à população de baixa renda, no entanto, para facilitar um pouco o negócio, a regra era de que os receptores de tv digital terrestre que serão distribuídos à população de baixa renda deveriam ter a possíbilidade de aceitar, na porta USB, a conexão de um modem de internet móvel.

lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo
lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo

A regra dita ainda que o receptor digital terrestre deve aceitar uma ampla gama de opções de modens de internet móvel.

Como a encomenda dos tais receptores ficou para cima da hora, as fabricantes dos receptores para tv digital terrestre que podem fornecer os aparelhos para o governo estão colocando uma enorme dificuldade para implementar a compatibilidade dos receptores com muitas opções de modens de internet móvel.

Desta maneira a Entidade Administradora da Digitalização (EAD), resolveu abrir uma excessão à regra de autorizar que sejam fabricados receptores ISDB-T capados para entregar à baixa renda, estes receptores capados estão autorizados a aceitar um número bastante limitado de modens de internet móvel.

As fabricantes também terão a obrigatoriedade de colocar estes modens à venda no comércio de Rio Verde para que a população os compre se desejar ter internet nos receptores doados pelo governo federal.

Não precisa falar mais nada não é mesmo?

A diferença de tratamento é bem diferente do que o que está sendo dado à população da Argentina e na Venezuela, lê ai: Começou a distribuição de receptores de tv digital terrestre de graça… Na Argentina e Venezuela