Nova atualização trava iPhones que tiverem sido consertados fora da Apple… Lascou tudo!

779

Erro 53, este é o nome do mais novo problema criado pela Apple para donos de iPhones que atualizarem os seus aparelhos para o IOS 9 e que por ventura tenham reparado seus aparelhos por conta própria ou os modificado de alguma maneira.

Acontece que a Apple não quer que seus clientes consertem os seus iPhones com peças paralelas ou usem serviços não oficiais para fazer o reparo de seus aparelhos, e resolveu exigir isto da pior maneira possível, tornando inoperante os smartphones daqueles que já fizeram o tal conserto e inocentemente atualizaram os seus iPhones sem saber que eles se travariam sem chance de voltar a funcionar.

Agora imaginem a cena, você está com o seu iPhone 6S Plus que por algum motivo precisou trocar a tela e para não ter que pagar um conserto bem maior que R$ 1 mil resolveu mandar consertar com uma tela paralela, aí na hora de atualizar o seua aparelho que custou quase R$ 5 mil, ele trava e não há como voltar atrás na atualização.

Os jornais internacionais já estão anunciando que milhares de usuários de iPhone está com seus aparelhos inoperantes por terem feito reparos em seu aparelho folha do serviço especializado da Apple, mas tem alguns casos piores, em que usuários cujo iPhone sofreu algum dano que não os tornou inoperante e do qual eles ainda não foram buscar nenhum reparo, nem oficial e nem paralelo, mas quando atualizaram para iOS 9 os aparelhos também travaram por não terem conseguido acessar alguma peça afetada pelo erro 53.

lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo
lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo

A Apple se pronunciou sobre o tal erro 53 simplesmente dizendo que o erro é uma característica da nova atualização que irá travar o aparelho se alguma assistência técnica autorizada tentar acessar o aparelho, fazendo isto para a segurança do usuário do iPhone.

Desta maneira para quem tiver problemas com o seu iPHone quiser usar o iOS 9 e qualquer outra atualização que vier depois dele, só restará a opção de usar a assistência técnica oficial da Apple.