NOVO SATÉLITE da SES ficará ao lado do STARONE C2 e terá 55 TPs Banda KU

5253

A SES e a SpaceX, aquela empresa de foguetes espaciais que consegue reaproveitar seus foguetes lançadores de carga espacial, anunciaram que no 4° trimestre de 2016 será colocado em órbita o satÉlite SES-10, que vem a ser o novo satÉlite da SES para a AmÉrica Latina.

O SES-10 ocupará a posição orbital 67°W, do ladinho do satÉlite StarOne C2 que fica na posição orbital 70°W.

Acontece que a posição orbital 67°W pertence aos paÁ­ses da comunidade andina, BolÁ­via, Colômbia, Equador e Peru e irá servir Á  rede de satÉlites Simon Bolivar 2.

O SES-10 de uma tacada só irá substituir dois satÉlites que estão na posição orbital 67°W e tambÉm pertencem Á  SES, são eles os satÉlites AMC-3 e AMC-4.

O SES-10 servirá para transmissões de tv para paÁ­ses de lingua espanhola nas AmÉricas do Sul, Central, MÉxico e Caribe.

O satÉlite tambÉm fará transmissão de dados em Banda Larga.

A SES terá a honra de ser a primeira administradora de satÉlites a colocar um satÉlite em órbita atravÉs de um foguete reaproveitíel da SpaceX, aquele tipo de foguete que deixa a carga espacial em uma certa altitude e volta para o solo pousando suavemente para que possa servir para outras missões, o que gera uma estupenda economia monetária e tambÉm de tempo para a preparação de novas missões espaciais.

No espaço o SES-10 fará manobras com combustÁ­vel quimico atÉ chegar Á  sua posição orbital de destino e então passará a utilizar plasma elÉtrico para quaisquer outras necessidades de manobra que ele tiver.