Só existe um meio seguro de pirataria da tv por assinatura e é por isto que você…

31597

Só existe um meio seguro de pirataria da tv por assinatura e é por isto que você deve desconectar o seu receptor pirata da internet agora.

Meu caro leitor, se você é um dos 4,2 milhões de brasileiros a usar um receptor de tv pirata, seja Azbox, Azamérica, Duosat e tantos de tantas outras marcas que estão à venda no Brasil, aceite um bom conselho de uma pessoa isenta para dar este conselho: tire o seu receptor pirata da internet agora pois isto ainda pode lhe render uma boa dor de cabeça.

Se você é uma pessoa coerente, se você não quer se arriscar a ter um grande problema com a justiça, se você não quer se arriscar a viver um vexame e fazer a sua família passar por um vexame, tire o seu receptor pirata da internet agora.

Os apaixonados pela pirataria da tv por assinatura irão dizer que ao aconselhar isto eu sou um terrorista, os vendedores de receptores piratas vão espalhar por aí que o GPS.Pezquiza.com é um site de terroristas, as pessoas que estão a pouco tempo neste mundo da pirataria da tv por assinatura dirão que o GPS.Pezquiza.com é terrorista.

lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo
lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo

Não é nada disto, trata-se de uma questão de prevenção, nem quero entrar aqui no campo da legalidade, nem quero aqui julgar se é moral ou não usar um receptor de tv pirata, já que a pirataria é uma questão cultural não só aqui do Brasil, populações de países que se julgam muito mais desenvolvidos que o Brasil também acham legítimo usar um receptor de tv pirata.

A questão que quero que você julgue aqui é tecnológica, e é uma questão que sobre a qual venho batendo desde as marcas de receptores piratas inventarem o método de abrir os canais da tv por assinatura através de códigos enviados pela internet: este método não é seguro e é potencialmente perigoso para o usuário final.

Apesar da sensação de privacidade, qualquer conexão entre dois aparelhos feita através da internet pode ser rastreada e o endereço residencial das duas máquinas que estão trocando informações pode ser facilmente localizado.

Isto quer dizer que o seu endereço residencial pode ser localizado se você acessar o computador do servidor de IKS ou Cardsharing para pegar os códigos de acesso aos canais da tv por assinatura. A apreensão do servidor da Azbox nesta semana demonstra esta facilidade de localizar um endereço residencial a partir do endereço de conexão do servidor (IP) à internet.

“Existem milhões de receptores de tv pirata conectados à internet, por que vão escolher logo a minha casa para verificar se estou usando um receptor de tv pirata?”, você deve estar pensando.

“Não é tão fácil assim conseguir um mandado de busca e apreensão só para verificar na minha residência se eu uso receptor pirata”, também é um outro pensamento no qual você se agarra.

Estes dois pensamentos são sim lógicos, por enquanto.

Mas mesmo que seja uma verdadeira loteria em um universo de milhões de receptores piratas a sua casa ser uma das centenas de casas escolhidas pela polícia para apreender o receptor pirata e quem sabe até levar você para prestar esclarecimentos na delegacia, isto ainda continua sendo uma hipótese possível de acontecer.

E se você é uma pessoa que não quer ver a sua reputação manchada por uma coisa tão desnecessária como esta, se você tem filhos e não quer que eles vivam um momento de tensão como este, se você não quer se envergonhar diante dos seus pais, dos seus parentes, dos seus amigos, deve sim pensar sobre isto.

A pirataria da tv por assinatura é a briga dos mais simples, que se acham injustiçados pois um bom pacote de tv por assinatura custa muito caro, contra os poderosos donos das operadoras de tv por assinatura, que tem um grande poder econômico e politico nas mãos.

Este poderosos grupos econômicos estão sim fazendo lobby na capital federal para que as leis mudem e uma série de ações que hoje achamos ser impossíveis, se tornem possíveis para poder repreender e retirar a liberdade de quem usa qualquer tipo de pirataria.

Hoje em dia é mais problemático você baixar um filme pela internet e ser denunciado por isto do que você matar uma pessoa. Para o primeiro crime, violação de direitos autorais, não há fiança.

Mesmo que a probabilidade de você ser pego e preso por usar um receptor de tv pirata hoje em dia pareça ser pequena, lembre-se, a cada minuto que você deixa o seu receptor pirata ligado ao servidor de IKS ou cardsharing, o seu endereço IP está sendo gravado e ele pode permitir à polícia identificar que na sua casa existe um receptor de tv pirata em uso.

[wp_ad_camp_2]

E qual é o único método seguro de usar a tv pirata atualmente?

O tíulo deste artigo é: Só existe um meio seguro de pirataria da tv por assinatura e é por isto que você deve desconectar o seu receptor pirata da internet agora.

Este título é sim coerente por que na realidade ainda existe um método seguro para conectar o seu receptor pirata ao servidor de chaves de acesso condicional de algum fabricante de receptor pirata e este método ainda tira o sono das operadoras de tv por assinatura.

Este método é o SKS, ou satellite key sharing, partilha de chaves de acesso via satélite.

O SKS não pode ser rastreado, ou seja, tanto o fabricante de receptor pirata quanto o usuário do receptor de tv pirata não precisam ligar os seus equipamentos à internet para o o SKS funcione.

Em um cenário excelente, que eu não sei se é possível para quem fornece o servidor SKS, o fabricante de receptores piratas pode montar um servidor de SKS em que as chaves de acesso condicional dos canais da tv por assinatura (keys), são colhidas do servidor de SKS e enviadas diretamente para o satélite sem necessidade de passar pela internet, e neste caso, é muito difícil descobrir onde estaria localizado o servidor de SKS.

Do lado do usuário nem é preciso dizer que também é possível receber as keys dos canais apenas recebendo estas informações via satélite, sem necessidade de internet.

O SKS no entanto é um método frágil para continuar funcionando pois ele não usa o satélite legalmente para transmitir as keys para os usuários dos receptores piratas, e há uma perseguição das operadoras de tv por assinatura para tentar derrubar os transponders usados pelas marcas de receptores piratas para transmitir as keys via SKS.

Do lado do usuário também há a pressuposição de que a pessoa pode estar usando um receptor pirata em sua residência através do sistema SKS por estar usando duas antenas, uma para captar o sinal dos canais e a outra para captar os códigos para abrir estes canais. No entanto, já é possível captar canais e códigos de acesso a estes canais usando uma antena só.

Ter duas antenas em cima de casa no entanto não é crime e muito menos certeza de que naquela residência há um receptor pirata e é por isto que, apesar de já cogitado, não se leva a cabo a perseguição contra usuários de SKS.

Os usuários de receptores piratas estão entre o risco da conexão à internet, IKS e Cardsharing, e o disfarce do SKS.

As operadoras de tv por assinatura estão entre a perseguição aos usuários de IKS e Cardsharing e a preocupação com o sistema SKS.

O certo é que mesmo as pessoas sabendo dos riscos que correm ao usar seu receptor pirata conectado à internet, vão continuar a fazer isto pela facilidade deste sistema de tv pirata.

A apreensão do servidor de IKS e SKS da Azbox abalou um pouco o mercado mas não fez este estrago todo, a pirataria da tv por assinatura continua firme e forte pois ela está bastante pulverizada com dezenas de marcas de receptores no mercado brasileiro.

No entanto ela deve servir de lição aos usuários dos receptores de tv pirata, por mais que as pessoas neste mercado digam que não há riscos em ligar o receptor pirata à internet, isto não é verdade.

Eu sou assinante na GVT TV, um assinante descontente, mas não preciso me preocupar com a questão do receptor de tv pirata, mas se eu usasse um receptor de tv pirata eu tiraria a conexão de internet dele e pensaria muito antes de cair na besteira de conecta-lo de novo.

CONFIRA ABAIXO O VÍDEO QUE FIZEMOS SOBRE 5 MITOS DA PIRATARIA DA TV POR ASSINATURA