Receptores IPTV alternativos de volta às grandes varejistas online – Preço absurdo

683

Receptor IPTV alternativo, por mais que as grandes lojas varejistas online se esforcem para filtrar e expulsar receptores e outros produtos ligados ao IPTV para a captação de canais fechados de forma não autorizada, eles sempre dão um jeito de voltar a estas plataformas. É o que está ocorrendo neste momento.

As estratégias dos vendedores de receptores IPTV para expor as suas ofertas no iste das grandes varejistas e até para usar o sistema de entrega dessas lojas, é muito simples: estão sempre criando novos CNPJ (MEI), se cadastram para aprovação nos marketplaces com eletrônicos mais comuns e “permitidos” pelas plataformas e após vendas suficientes para ter reputação nesses sites de grandes varejistas introduzem os receptores IPTV alternativos. Quando limados desses marketplaces a estratégia se repete.

O que acho mais impressionante é que, apesar de os marketplaces de renome afirmarem que combatem a venda de receptores para tv alternativa em suas plataformas de ecommerce, os páginas de venda dos aparelhos IPTV que são cadastrados nesses marketplaces acabam por ser impulsionadas nas redes sociais como o Instagram, por exemplo, através de anúncios feitos e pagos pelas próprias plataformas de marketplcea das varejistas renomadas.

Um dia desses eu mesmo fui “agraciado” com anúncios de algumas grandes lojas online, no estilo carrossel (onde há 10 produtos sendo anunciados de uma só vez, bastando rolar a imagem de cada produto para o lado para ver o próximo) onde a maioria dos produtos constantes no carrossel eram receptores IPTV.

Os preços, na minha opinião, beirando ao absurdo e ainda tem que pagar mais o frete.

Por exemplo:
– HTV 7 por R$ 1.446 (um mil quatroscentos e quarenta e seis reais), valor equivalente à assinatura de dois anos de Directv Go, que é uma plataforma IPTV 100% legal e ainda com direito aos canais HBO por este mesmo período.

– Outro exemplo um pouco mais barato é o receptor IPTV B11 4K que sai por R$ 1.426 (um mil quatroscentos e vinte e seis reais). Uma loucura.

Apesar de ainda não haver uma determinação legal no Brasil que proíba de forma direta a venda de tais receptores de tv alternativa, há, para as plataformas, a questão ética e de relacionamento com o mercado oficial de televisão que é afetado pela comercialização de IPTV ilegal.

Como eu comparei acima, há a possibilidade de se contratar um serviço oficial de tv via streaming com excelente qualidade pelo mesmo valor que se pagaria por um receptor IPTV alternativo.

Será que vale mesmo a pena a compra de tais aparelhos?

Entra pro nosso canal no Telegram clicando aqui, clica agora aí vai!

.