RECEPTOR IPTV BTV FOI CONDENADO POR PIRATARIA NOS ESTADOS UNIDOS

38167

Um juiz federal de uma corte de Nova York ordenou que o serviço de televisão pirata BTV pare de retransmitir canais de TV, pare de vender seu aparelho e pague a várias partes, incluindo a operadora de tv por assinatura Dish Network, indenizações que somam 6,6 milhões de dólares, decorrentes de um processo de infração de direitos autorais aberto contra a BTV no ano passado.

A Dish foi uma das seis empresas que entrou com este processo contra a BTV, que é controlada pela Dibia Networks, chefiada por Abdellah Hamead. As outras empresas são: a Asia TV USA Ltd. (controladora da Zee TV); MSM Asia Ltd. (uma unidade da Sony Pictures); Star India Private Ltd. (controladora dos canais Star); Viacom18 Media Private Limited (controladora da Colors); ARY Digital USA LLC (emissora de canais de língua inglesa e urdu).

Segundo a sentença emitida pelo juiz George B. Daniels do Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito Sul de Nova York, a BTV está vendendo, nos Estados Unidos, um set-top box (TV BOX) que oferece ilegalmente uma variedade de canais de televisão e programas da Índia, Paquistão e outros países. As caixas, que são vendidas por pouco menos de 300 dólaes, são vendidas com a promessa de que os clientes podem assistir gratuitamente a shows e filmes 24 horas por dia, 7 dias por semana. A BTV não obteve os direitos para entregar esses programas, ao invés disso estabeleceu uma rede de transmissão pirata que captura canais inteiros – como Zee TV, Colors e Sony – e os transmite através de seu conversor sem permissão.

“TV BOX” DA GLOBO FOI LANÇADO PELA ELSYS – TOTALMAX SAT É RECEPTOR HÍBRIDO COM INTERNET E SATÉLITE

VOU COMPRAR UMA TV BOX 6K – A ANATEL QUE SE EXPLODA

    COLOQUE seu nome e e-mail abaixo para receber nossas notícias. +100 MIL PESSOAS já cadastradas!!!
    CHEQUE AGORA SUA CAIXA DE ENTRADA para ativar a inscrição no e-mail de confirmação que foi enviado para você

“A BTV é mais um exemplo de uma operação que engana os clientes e pensam que estão comprando um serviço legítimo quando, de fato, a pirataria é desenfreada”, disse o vice-presidente da Sony Entertainment, Jaideep Janakiram, em comunicado.

O tribunal também se dirigiu a terceiros que fornecem serviços que permitem que a pirataria da BTV floresça, ordenando que eles deixem de fornecer suporte, ou seja, as operadoras de internet tem permissão para bloquear os IPs usados pela BTV para a entrega de seus serviços piratas nos Estados Unidos.

O tribunal decidiu também que as lojas varejistas devem parar de vender o box da BTV, e que as partes que fornecem serviços on-line para a BTV, como hospedagens web, devem deixar de fornecer tais serviços.

A decisão e as considerações do juiz sobre o caso foram bastante elogiadas pelas empresas que abriram o processo contra a BTV.

SIM, NÓS TEMOS TELEGRAM E SE VOCÊ TEM TAMBÉM CLICA LOGO NO LINK AÍ E CONHECE O NOSSO: https://t.me/gpspezquizaoficial