Pirataria da tv por assinatura está virando moda em Portugal. Sabe quantos receptores piratas tem lá?

1213

As operadoras de tv por assinatura e a imprensa portuguesa estão chocadas com a invasão da pirataria da tv por assinatura no mercado de tv paga português.

A Federação Portuguesa de Editores de Videogramas estima que as perdas de faturamento da indÁºstria de tv por assinatura portuguesa esteja já entre 6% a 10% do total faturado, isto implica em valores entre 600 mil a 1 milhão de euros.

Esta perda advÉm de uma quantidade estimada de 200 mil receptores piratas que estão sendo usados por cidadãos portugueses. Achou pouco? Frente ao mercado de tv pirata do Brasil que É estimado em 4,2 milhões de receptores piratas É muito pouco, mas a população de Portugal É bem menor que a população brasileira.

E lá em Portugal há apenas um sistema para conseguir abrir os canais da tv por assinatura de forma ilegal, o cardsharing.

As leis portuguesas já tem previsão para este tipo de pirataria e a pena É pesada: cinco anos de cadeia, mas os portugueses não parecem estar nem um pouco preocupados com isto.

Comprar um receptor pirata É fácil, há vários lojas online que vendem os receptores em mÉdia por 100 euros, não há proibição de compra ou venda de nenhum tipo de receptor de tv em Portugal.

A proibição É mesmo que se tenha e que se use os servidores de cardsharing, no entanto, para burlar esta proibição os servidores de cardsharing são montados em outros paÁ­ses e há uma grande dificuldade das autoridades portuguesas em combater esta prática.

Em mÉdia se cobra 10 euros a mensalidade do cardsharing para abrir os canais das operadoras de tv por assinatura de Portugal.

Vamos repetir a informação: comprar e ter qualquer receptor de satÉlite em Portugal É uma atividade legal, ilegal É usar e montar servidores de cardsharing ou qualquer outro tipo de serviço que abra ilegalmente os canais da tv por assinatura.


pirataria-tv-por-assinatura-portugal