Cardsharing comercial dá 3 anos de cadeia… Na SuÉcia

896

O parlamento sueco aproveu neste mês uma nova lei para tentar conter o avanço do cardsharing comercial sobre o mercado de tv por assinatura no paÁ­s.

Pela lei aprovada neste mês de agosto, manter um servidor de cardsharing comercial agora dá 3 anos de cadeia.

Mas a lei não preve punição apenas para os donos dos servidores de cardsharing, os usuários de cardsharing comercial tambÉm foram contemplados com multa a ser estipulada em juÁ­zo ou então prisão de dois anos.

A lei não É novidade e tambÉm já foi implementada em outros paÁ­ses escandinavos como a Noruega, FinlÁ¢ndia e Dinamarca.

A maior preocupação das operadoras de tv por assinatura É com os canais premium de esportes, que são os mais visados na Europa para a pirataria da tv por assinatura.

A pirataria via cardsharing na SuÉcia causa um grande prejuÁ­zo aos canais que transmitem os campeonatos de hoquei no gelo.

Na Europa É comum o cardsharing não comercial, em que um grupo de amigos, vizinhos ou familiares montam um servidor de cardsharing para uso apenas entre eles e sem a venda de acesso.

Neste caso eles entram na regra da multa ou prisão de dois anos.


cardsharing-comercial-cadeia-suecia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here