Sky Brasil e Directv Go foram vendidos

575

Sky Brasil e Directv Go, em breve, não serão mais oficialmente empresas pertencentes à gigante americana AT&T.

A Sky Brasil, segunda maior operadora de tv por assinatura em nosso país em número de assinantes, e a Directv Go, operadora de tv por assinatura via IPTV que estreou recentemente em terras brasileiras; são controlados no Brasil por uma empresa chamada (prestem atneção ao detalhe do nome) Vrio Corp., pertencente à AT&T, que, segundo dados divulgados pela “mídia oficial”, acumula uma dívida que beira aos 5 bilhões de dólares.

A Vrio Corp. está sendo adquirida por um grupo de empresas argentino do setor de finanças chamado Grupo Werthein (parece que o dinheiro dos argentinos está se acumulando em poucas mãos, não é mesmo?).

O valor da transação não divulgado, a única informação concreta é que o Grupo Werthein irá assumir a divida bilionária acumulada pela Sky Brasil.

No início da década passada a Sky Brasil comprou a sua maior rival no nosso território, a Directv, por aproximadamente 50 bilhões de dólares, formando a gigante operadora Sky Brasil, que durante muitos anos foi a maior operadora de tv em operação no país.

O investimento bilionário nunca foi retorndo e, para piorar, está acrescido no momento com mais a dívida acumulada pela Sky Brasil.

Nem mesmo o lançamento da Directv Go, pela Vrio Corp./AT&T, amenizou o problema.

Aliás, o interesse do Grupo Werthein está exatamente na operação IPTV da Directv Go, já que a Tv por assinatura tradicional no Brasil já está fazendo água há muito tempo e, pelo andar da carruagem, o barco está rachando no meio.

Há 18 meses atrás a AT&T planejava vender toda a sua operação na América Latina e manter apenas a sua operação aqui no Brasil, na região. Agora ela incluiu o Brasil no pacote todo, ou seja, as outras operadoras da América Latina pertencentes ao Vrio Corp./AT&T também estão incluídas na mesma venda. Os acontecimentos dos últimos meses com certeza foram determinantes na decisão de venda da Sky Brasil já que eles pioraram a decadência da tv paga tradicional por aqui.

Soma-se a isto o fato de que o governo americano anunciou que vai parar de distribuir dinheiro a rodo para grandes empreas americanas através da compra de dívidas destas empresas, o que impacta fortemente o planejamento da AT&T. A gigante das telecomunicações não pode se dar ao luxo de continuar acumulando dívidas bilionárias fora dos EUA. O governo americano também deverá aumentar os juros internos para tentar se refinanciar sem imprimir tanto dinheiro a partir do nada, o que também deixa todo o mercado financeiro mundial apreensivo à espera de que algo grande esteja para acontecer.

Este movimento de venda da Sky Brasil e Directv Go impacta fortemente o mercado de tv paga brasileiro, indicando aos assinantes um fator que o GPS.Pezquiza.com já sinalizava há anos. Não haverá nenhuma grande novidade tecnológica e muito menos algum grande investimento que revigore a tv via satélite no Brasil. Quem insistir em colocar dinheiro neste setor que é atacado fortemente pela burrocracia governamental deverá seguir a fila do prejuízo bilionário que, na tv paga, conta não somente com a Sky Brasil mas também com outras grandes operadoras de tv paga por aqui que também lutam para vender suas opearações e se desvencilharem do problema.

E a Sky Brasil só não pode começar a comemorar a sua saída do Brasil pois a venda para os argentinos precisa ser aprovada pelos buracratas da Anatel e do Cade.

Tem muito mais coisa a se falar nessa história, mas como vocês sabem o que está acontecendo com quem fala o que sabe… Melhor não né?

Essa novela ainda vai longe… Contineum no GPS.Pezquiza.com.

Entra pro nosso canal no Telegram clicando aqui, clica agora aí vai!

.