O Sim Chip para celulares está com os dias contados

1336

Os Chips Sim para telefones celulares vieram para tornar o processo de mudança de operadoras nos telefones móveis bem simples, já que basta comprar um chip da operadora que você desejar e encaixar este Chip Sim no slot correto em seu telefone celular para mudar de uma operadora telefônica móvel para outra.

É um processo relativamente simples para a troca de operadora não É mesmo?

Mas os fabricantes de celular já não pensam assim e abriram uma verdadeira guerra contra os chips Sim, que pode sumir do mercado muito em breve.

O problema com os chips sim É que eles tem uma quantidade de memória limitadÁ­ssima para os padrões atuais alÉm de ocuparem um espaço consideríel dentro dos celulares, pois alÉm do espaço para o chip tambÉm tem o espaço necessário para o slote de encaixa do chip.

O primeiro exemplo de como deve ser o futuro dos dispositivos móveis sem o uso do chip Sim vem da Apple com o seu Apple Sim, descrito como um chip sim integrado na memória dos aparelhos iPad Air 2 e iPad Mini 3, que são programados pelo próprio usuário dos aparelhos para a mudança de operadora.

Para quem tem estes aparelhos e mora em um paÁ­s em que as operadoras já dão suporte ao Apple Sim não precisam ligar para a operadora pedindo um Chip Sim e muito menos se deslocar atÉ um ponto de venda de Chips Sim para mudar de operadora.

O processo É muito mais simples, basta acessar o Menu Cellular Data Account e escolher a operadora a qual deseja usar no aparelho. A mudança É instantÁ¢nea assim que se termina de configurar a troca de operadora no aparelho.

Mas não É somente as fabricantes de aparelhos móveis que estão ditando maneiras de se desvencilhar dos chips Sim para fazerem parte de qualquer aparelho de qualquer usuário de smartphone.

A operadora móvil Tuenti, ligada Á  Movistar Telefônica, lançou um aplicativo para smartphones Android que permite ao usuário assinar os serviços da Tuenti sem necessidade de ter um Chip Sim da operadora dentro do seu smartphone.

Por enquanto as ligações atravÉs do aplicativo da Tuenti dependem de uma conexão de internet, um problema que a operadora ainda está tentando resolver, emulando no smartphone do usuário um Chip Sim virtual, já que o objetivo do chip Sim É informar ao smartphone os dados de conexão do assinante Á  rede da operadora.

Estes dados já estão de posse da operadora e na prática, bastaria um aplicativo em que o usuário pudesse introduzir estes dados para que o celular passasse a poder se conectar na rede móvel daquela operadora.

Desta maneira o futuro dos Chips Sim para a telefonia móvel parece mesmo É não ter futuro nenhum muito em breve.


fim-dos-sim-chips