ABTA diz que há 5 milhões de conexões de tv pirata no Brasil pra botar pressão no Governo

891

Não É novidade nenhuma que a Associação Brasileira da TV por Assinatura, ABTA, acha que o Governo Brasileiro É frouxo em respeito ao combate da pirataria da tv por assinatura no paÁ­s.

A ABTA faz lobby, faz pressão e não tem conseguido sensibilizar a máquina pÁºblica para combater a pirataria da tv por assinatura com mais vontade.

Mas este ano o discurso da ABTA se intensificou em relação ao suposto alto valor de impostos que não são arrecadados por conta da pirataria da tv por assinatura no paÁ­s.

Se os nÁºmeros calculados se tornassem realidade realmente seria um montante assustador que deixa de ser arrecadado anualmente por conta das conexões de tv pirata no paÁ­s, que não podemos negar, já são bastante populares.

O que a ABTA esquece de informar quando divulga este tipo de informação É que estes nÁºmeros são somente estimativas, e que podem ou não estar corretos, mas pelo tanto que estes nÁºmeros mudam para cima ou para baixo toda vez que eles são divulgados, fica complicado levar a sÉrio este tipo de informação.

Desta vez a ABTA fala em 5 milhões de conexões piratas no Brasil que representariam um aumento de 20% no total de conexões piratas em relação Á  dezembro de 2014 quando havia cerca de 3,8 milhões de conexões piratas no Brasil.

Mas em agosto de 2014 a ABTA havia divulgado que haviam 4,2 milhões de receptores piratas no Brasil, conforme falamos na matÉria Há 4,2 milhões de receptores piratas instalados no Brasil, segundo ABTA.

Tem alguma coisa errada aÁ­, será que quase meio milhão de pessoas que usavam receptores de tv pirata no Brasil desistiram da TV pirata entre agosto e novembro de 2014 e de lá para cá mais 1,2 milhões de pessoas resolveram usar receptores de tv pirata no pais?

A ABTA alega que o mercado da tv por assinatura tem uma perda de R$ 6 bilhões anuais por conta da tv pirata no paÁ­s, destes R$ 700 milhões iriam para o governo brasileiro em forma de impostos.

Diante da indecisão estatÁ­stica e da imprecisão dos dados, os nÁºmeros realizados, ou seja, aqueles que realmente seriam arrecadados tanto pela ABTA quanto pelo Governo Brasileiro, com certeza, seriam bem menores.

E eu ainda fico com uma dÁºvida vendo a ABTA falar de valores tão altos não arrecadados, será que com a perspectiva de arrecadar tanto não É mais negócio para as operadoras de tv por assinatura desistir da ajuda do governo para combater a pirataria da tv paga e partir logo para a adoção de um criptografia que realmente não possa ser quebrada pelos receptores piratas?