CNN BRASIL “PERSEGUE” EX-GLOBAIS PARA SEU PROJETO DE RESISTÊNCIA JORNALÍSTICA

1104

Prometendo iniciar as suas atividades até o final de 2019, a estreia da emissora de jornalismo ficcional CNN Brasil promete ser surpreendente para o nosso país.

Os sócios da CNN Brasil, Douglas Tavolaro, que era nome forte na direção de jornalismo na Record, e o empresário Rubem Menin, já começaram com o papo furado de jornalismo isentão, primeiro selo de qualidade que tentam grudar em seu trabalho os jornalistas lacradores.

E a conversa fiada, pelo que se comenta nos bastidores, está contagiando nomes até então conceituados, que se sabia, tinham deixado a Globo por conta da pressão que o núcleo de jornalismo ficcional da emissora aberta, faz, contra os profissionais que não se adequam à linha editorial de resistência da emissora.

Foi o que aconteceu, por exemplo, com William Waack, cuja saída da Globo foi altamente documentada como uma queimada de filme proposital da própria emissora contra o jornalista, já que casos igual o dele poderiam ser divulgados todos os dias, não só no núcleo de jornalismo da emissora, mas são devidamente ignorados.

Era de se esperar que Waack, e outros nomes de peso que deixaram o núcleo de jornalismo da Globo, não aceitariam um convite para bater ponto na CNN Brasil, dando literalmente a cara da tapa na emissora. No entanto, pelo menos no caso de Waack, o flerte parece estar sendo recíproco e o próprio jornalista, depois de os sócios da CNN Brasil terem declarado que sonham com contratação do profissional, já deu declarações de que pretende voltar à televisão e que já tem oferta de trabalho que considera aceitar.

E não fica somente em Waack, outros ex-globais que deixaram a emissora dizendo que iriam trabalhar somente na internet, inclusive que estão fazendo sucesso em redes sociais, também podem pintar na tela da CNN Brasil.

Continua após o anúncio
    Seu NOME e EMAIL e tenha nossas notícias na Caixa de Entrada. Confirme que se cadastrou ao chegar o 1° e-mail

Até jornalista que está bem empregado, caso de Ricardo Boechat, pode acabar mudando de time.

Essas contratações de peso, que como eu já disse, vão surpreender a todo o mercado e principalmente aos telespectadores, demonstram que a CNN Brasil não veio para brincadeira e está disposta a colocar dinheiro na mesa para colar a reputação de nomes já consagrados no Brasil, em sua marca.

Infelizmente, para quem ainda acredita em papai noel, a CNN nunca usou a sua marca em região nenhuma do planeta, que não fosse para fazer um jornalismo de baixo nível, manipulador, ao moldes da irmãzinha com a reputação mais que arranhada aqui no Brasil, Globo.

Com essa equipe de frente na CNN Brasil eles vão nos provar que estamos errados e que vamos acabar queimando a língua?

É claro que não, a estratégia é colocar algumas verdades permeadas de muitas manipulações e lacrações somente para o lado que a emissora e certas forças ideológicas desejam. No final você já se entregou e em nome do que a turma da lacração acha correto já entregou tudo o que podia e ainda se acha em dívida.

Se você decidir deixar a CNN Brasil entrar em sua casa, boa sorte.

SIM, NÓS TEMOS TELEGRAM E SE VOCÊ TEM TAMBÉM CLICA LOGO NO LINK AÍ E CONHECE O NOSSO: https://t.me/gpspezquizaoficial