Claro manda fazer limpa em vÁ­deos que incentivem pirataria da tv por assinatura no Youtube

1314

Essa semana ocorreu um limpa nos vÁ­deos do Youtube que falavam alguma coisa sobre a captação de sinal relacionado com a operadora de tv por assinatura Claro TV.

A operadora entrou na Justiça na Vara de São Paulo com um pedido para que fossem tirados do ar uma extensa lista de vÁ­deos hospedados em canais no Youtube pelo motivo de que supostamente estes vÁ­deos incentivam e ensinam como as pessoas podem captar os canais da Claro TV sem pagar assinatura para a operadora.

Eu digo supostamente pois o escritório de advocacia que fez o pedido Á  justiça de São Paulo não assistiu aos vÁ­deos que pdeiu para serem retirados do Youtube, ele simplesmente listou vários vÁ­deos e pediu Á  Justiça que estes vÁ­deos fossem retirados do Youtube sem nem saber exatamente qual era o conteÁºdo do vÁ­deo.

O GPS.Pezquiza.com teve dois vÁ­deos proibidos de serem exibidos no Brasil, um por citar a Claro TV no tÁ­tulo e outro por supostamente incentivar as pessoas Á  pirataria da TV por Assinatura. Só que não, se a pessoa que pediu para retirar esses nossos vÁ­deos do ar tivesse assistido aos vÁ­deos pediria desculpas e mandaria voltar os vÁ­deos Á  ativa.

Eu digo isto por que o vÁ­deo em que eu citava a Claro TV no tÁ­tulo pura e simplesmente falava sobre uma informação de domÁ­nio pÁºblico que É simples de se obter e que nada tem a ver com a pirataria da tv por assinatura, que É quais os satÉlites que transmitem as operadoras de tv por assinatura no Brasil… Pois É, não pode mais falar isto em vÁ­deo do Youtube, está censurado no Brasil falar qual satÉlite transmite qual operadora de tv por assinatura.

No outro vÁ­deo o GPS.Pezquiza.com falava sobre diversas formas de piratear a tv por assinatura sem explicar como executar nenhuma das formas, muito pelo contrário, desde o começo do vÁ­deo eu explicava enfaticamente que o objetivo do vÁ­deo era que as pessoas que usavam uma daquelas formas de assistir a conteÁºdo da tv por assinatura sem pagar, achando que não estava pirateando por que não estava usando receptor pirata, deviam colocar a mão na consciência de que aquilo É tão pirataria da tv por assinatura quanto quem usa receptor pirata.

Aliás, por conta disto o vÁ­deo já acumulava centenas de reclamações das pessoas que não gostam que o GPS.Pezquiza.com seja um site e um canal posicionado contra a pirataria da tv por assinatura.

Pois É, a Claro TV tambÉm não quer que a gente dê bronca em quem pirateia a tv por assinatura, fazer o que nÉ?

O Youtube nos envio o documento protocolado pela Claro TV na justiça de São Paulo, que foi feito contra o Youtube e não especificamente contra cada canal individualmente, e tambÉm nos informou que os vÁ­deos seriam retirados do ar somente no Brasil e continuariam ativos nos outros paÁ­ses já que a justiça brasileira não tem poder de bloquear a exibição destes vÁ­deos no exterior.

Por conta própria o GPS.Pezquiza.com retirou completamente os seus vÁ­deos censurados pela Claro TV da plataforma do Youtube, estes vÁ­deos não poderão ser assistidos nem por espectadores do exterior, por enquanto, vamos avaliar se eles voltam ou não ao canal, mas como está cada dia mais complicado entender a justiça deste paÁ­s que quer colocar fim de vez atÉ no WhatsApp…

O certo É que num paÁ­s onde a liberdade de expressão É assegurada na Constituição Federal o que se tem mais permitido É a censura de determinados assuntos que desagradam grandes grupos econômicos.

Fazer o que nÉ?