AMAZON PRIME QUER F3RR@R A NETFLIX OU OS CORREIOS?

577

Esperei alguns dias para falar sobre a agressiva oferta Amazon Prime pois queria tentar entender alguns pontos que a envolvem primeiro. No mais todos já sabem qual é a minha opinião sobre o interesse da Amazon aqui no Brasil.

A oferta é também um teste para uma entrada mais agressiva no mercado de logística nacional, e prestem atenção, em alguns meses a Amazon pode se tornar, aqui no Brasil o que o Uber se tornou para os táxis.

A história é muito simples, há algumas empresas interessadas, teoricamente, em comprar os Correios, sendo que as empresas que tem mais potencial para levar são Amazon (Estados Unidos) e Alibaba (China). No parágrafo anterior eu disse o teoricamente pois é mais rápido uma tartaruga atravessar o Brasil do Oiapoque ao Chui que a tramitação toda do processo de privatização dos Correios ser concluída no momento mais oportuno para a venda (que é agora quando ele ainda tem um valor “emocional” por conta da disputa comercial entre EUA e China).

Como a autorização de privatização não vai sair tão cedo, o que indica as novidades recentes do mercado: loja física Aliexpress no Brasil, armazém Gearbest dentro do Brasil e “frete ilimitado” na Amazon por R$ 9,90 mensais? Indica que essas empresas estão enxergando para breve uma desburocratização no mercado de logística no Brasil, especialmente em relação àos produtos vindos do exterior com entrega direta ao consumidor final.

lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo
lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo

Quero dar um destaque aqui no que se refere à Amazon, por enquanto esta é a empresa que tem maior capacidade de assumir a entrega de cartas so houver mesmo privatização dos Correios, a entrega de cartas é a único monopólio que os Correios tem e que na prática, com o modo de operar dos Correios do Brasil, é um grande gerador de prejuízo.

A Amazon no entanto tem uma operação de entrega de encomendas nos Estados Unidos que é um case bem interessante para resolver esse problema no Brasil, ela repassa a entrega para entregadores independentes: o entregador baixa um aplicativo da Amazon com esta finalidade, se cadastra, quando aprovado ele “ganha acesso” ao centro de distribuição de encomendas da Amazon na região onde ele se propôs a fazer as entregas.

O entregador recebe um valor bem interessante pelas entregas, assim como o Uber ele pode fazer seu próprio horário, a Amazon resolve de forma bastante eficiente a parte final das entregas sem ter a dor de cabeça de contratar como empregado milhares de pessoas. Este tipo de parceria comercial entre empresas e trabalhadores independentes é uma tendência sem volta para o mercado de trabalho no Brasil.

O grupo Alibaba também teria algumas soluções ancoradas em alta tecnologia que no momento seria muito irreal para um país com infraestrutura pobre como o Brasil.

E a Netflix?

Muita gente elogiando a oferta Amazon Prime que, além de frete grátis, também entrega conteúdo de entretenimento no pacote, tudo por R$ 9,90.

Mas se olharmos com lupa essa oferta ela, bem, não é assim tão, tão tão como o povo tá falando.

O frete é grátis somente nos produtos marcados com entrega via Amazon Prime, isso varia de região para região do Brasil. Vamos pegar como exemplo Goiânia, para o meu CEP, a compra de ítens simples, livros, por exemplo, só recebem frete grátis nas compras acimda de R$ 99. Mas aí nem precisa ser Prime, esse tipo de oferta é possível encontrar em outras livrarias, é questão de pesquisa. Eletrônicos? Também está bem limitada a entrega para a minha região e eu sinto que o preço do negócio pode ser a questão de ajudar um pouquinho o frete, tem mais a agressividade da Amazon nas negociações de compra dos produtos… A coisa do frete é mesmo interessante para os consumidores São Paulo, Rio de Janeiro… São Paulo, Rio de Janeiro… Mesmo assim quantas vezes por mês essas pessoas compram produtos via internet?

Mas o Amazon Prime dá acesso total ao entretenimento digital que a Amazon oferta no Brasil, certo?

Não é bem assim, ela dá acesso ao Amazon Prime, que ainda não caiu no gosto dos brasileiros pois o conteúdo não é assim uma Netflix… Nesse ponto aqui até vale pensar, o Prime é estratégia para levar a galera para o Prime Vídeo??? Sim, ao acessar a página do Prime Vídeo o que você tem agora é a oferta do Amazon Prim. Mas o valor anterior do Prime Vídeo também era baratinho e a plataforma não estava ganhando mercado em cima da Netflix.

Ok, mas vamos falar de livro? Que é o coração da operação da Amazon?

O Amazon Prime dá acesso a todos os livros digitais da assinatura Kindle Unlimited, certo? Só aí a vantagem é muito grande, não é mesmo?

Errado, o Amazon Prime não dá acesso ilimitado aos livros disponíveis no Kindle Unlimited no Brasil (não tenho certeza se ele faz isso nos Estados Unidos), mas aqui no Brasil a quantidade de livros disponíveis é uma coisinha de nada e mesmo assim tem que se esforçar muito para achar títulos que compensam. Quem quer toda a biblioteca do Kindle Unlimited continua a ser obrigado a assinar o serviço à parte, que é bem mais caro (R$ 19,90 mensais) mas que compensa bastante para quem lê bastante.

A assinatura do Amazon Prime é bem mais alta nos outros países em que a oferta já existe há mais de 14 anos, mas a Amazon entrega muito mais quantidade e qualidade de benefícios nesses mercados.

Nos finalmentes o que parece, para mim, é que a Amazon quis fazer um barulho e já fincar uma bandeira dela mostrando a intenção de chegar firme no mercado de logística brasileiro. Não sei se todas essas empresas combinaram alguma forma de sinalizar para o governo de que estão falando sério em investir no Brasil, caso uma articulação política desburocratize o mercado.

Tempo para a B2W, o Magazine Luiza e outros players se preparem pois a Amazon tem bala na agulha para levar os seus concorrentes a grandes períodos de prejuízo, quem conhece as estratégias para ganhar mercado que a Amazon adota sabe que é bastante desconfortável para os concorrentes, bom para os clientes.

Mas só será um período bom para os clientes brasileiros da Amazon se ela chegar realmente no Brasil, com ofertas mais ou menos ainda não dá aquela sensação toda do benefício que realmente poderia ser.

Entra pro nosso canal no Telegram clicando aqui, clica agora aí vai!

.