Histórias de instalador: O dia em que centenas de receptores morreram e um instalador teve que sair fugido de sua cidade

1311

Pegando o gancho no relato que recebemos hoje de um instalador sobre os problemas com o AzamÉrica S925 Mini, lembramos tambÉm de um outro relato bastante divertido que vimos em 2010 de um tambÉm instalador de antenas quando os receptores de tv via satÉlite da Época tambÉm estavam ganhando bastante notoriedade e mercado.

Naquele Época não era necessário usar nenhum tipo de esquema complexo para abrir os canais das operadoras de tv por assinatura via satÉlite, ninguÉm precisava de ficar conectado o tempo todo na internet, não era necessário cardsharing, não se sabia e nem se imaginava o que poderia ser IKS ou SKS, era tudo na base da atualização de firmware.
#gps.pezquiza.com
Com isto não havia ilegalidade nenhuma e para muita a grande diversão não era nem o fato de assistir aos canais das operadoras de tv por assinatura sem pagar nada, mas sim o fato de conseguir quebrar a codificação de sinal destas operadoras.

Naqueles tempos um receptor vendido no mercado brasileiro sem necessidade de contrabando e atÉ mesmo nos sites de grandes lojas como o CompraFácil estava fazendo um grande sucesso entre a turma que gostava de quebrar o sinal das operadoras de tv pois era possÁ­vel mudar o firmware dele para que ele tambÉm abrisse o sinal codificado da Telefônica.

O receptor era o LB7000 da LBSat que estava vendendo que nem banana na feira.

A LBSat descobriu o ocorrido e sem maiores alardes bombardeou o mercado com o tal LB7000 e as operadoras se quisessem que arrumassem o seu sinal.

Alguns fóruns especializados disponibilizavam o firmware modificado que era necessário baixar de mês em mês que era quando o operadora mudava a chave de codificação Nagra 2 de seus canais e fechava o sinal dos seus pacotes, aÁ­ demorava um dia para o pessoal que mexia no firmware achar a chave nova e mudar o firmware, a turma baixava o firmware, atualizava seus receptores por cabo RS232 e pronto, tudo voltava a funcionar por mais um mês.

LB7000 famoso aquele, tão famoso que um instalador de uma cidadezinha de interior comprou ele as pencas para estocar, segundo o relato que lemos em um fórum naquela Época e que infelizmente não está mais publicado na internet, o cara vendeu e instalou na casa dos parentes, na casa de polÁ­ticos da cidade, na casa do delegado e de policiais e, segundo ele, atÉ mesmo na casa do juÁ­z da cidade.
#gps.pezquiza.com
O que aconteceu? A Telefônico colocou a codificação Nagra 3 nos seus pacotes e nunca mais foi possÁ­vel usar o tal LB7000, que aÁ­ virou receptor só para os canais abertos, não era possÁ­vel fazer mais nada, nada de canais abrindo por firmware nem possibilidade de usar dongle nele.

Na primeira semana o cara ainda conseguiu enrolar os compradores, mas na segunda semana o cara já tava desesperado, pedindo ajuda para todo mundo na internet que a cidade toda tava querendo linchar ele, imagina a situação.

O que aconteceu com o cidadão não sabemos, mas pela quantidade de gente fina que ele vendeu e instalou o LB7000, será que ele teve que fugir da cidade ou foi morar na cidade do pÉ junto?

É cada história que o instalador de antena tem não É mesmo? Se você tiver algum relato curioso tambÉm envie para a gente no e-mail gps@pezquiza.com para analisarmos e publicarmos a sua história tambÉm.

histórias de instalador de antenas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here