Usuários de tv pirata foram entrevistados a pedido da ABTA

793

Essa eu tenho que agradecer ao meu amigo Dione que me alertou sobre a reportagem do jornal Diário da Manhã, aqui de GoiÁ¢nia, dando conta de que a ABTA encomendou ao Instituto H2R uma pesquisa por meio de entrevista com mais de 490 pessoas com o intuito de levantar maiores informações sbore a penetração da tv pirata no Brasil.

Os entrevistados eram todos das regiões metropolitanas de São Paulo e Rio de Janeiro.

Os maiores detalhes deste estudo serão divulgados durante a ABTA 2015, nas próximas semanas de agosto, no entanto, um aperitivo já foi divulgado pela ABTA.

Ele dá conta de um crescimento nos Áºltimos doze meses de cerca de 8,6% no uso da tv por assinatura pirata aqui no Brasil. No mesmo perÁ­odo as operadoras de tv por assinatura tiveram um crescimento em sua base de assinantes de 6,1%

A TV por assinatura pirata tinha em maio de 2015, segundo o estudo feito pela H2R, 4,55 milhões de residências instaladas – quem segue o GPS.Pezquiza.com há mais de ano sabe que este nÁºmero É no mÁ­nimo, estranho.

A ABTA lamenta que o uso de tv pirata tenha crescido enquanto as operadoras continuam a ter dificuldades para conseguir novos clientes em sua base de assinantes.

O estudo servirá para pressionar novamente o governo brasileiro por medidas mais duras de combate Á  pirataria da tv por assinatura…

Será que agora vai?