CARDSHARING: MEGA OPERAÇÃO DESMANTELA SERVIDORES EM PORTUGAL, MAIS DE 100 PRESOS

3535

As autoridades de Portugal lançaram uma mega operação contra os servidores de Cardsharing que continuam a se proliferar em seu território, mesmo com o país tendo uma legislação dura contra a prática de cardsharing, legislação esta que prevê até cinco anos de prisão para as pessoas que foram presas se beneficiando de alguma maneira do cardsharing, além de pesadas multas.

Desde o início deste mês de julho de 2018 as autoridades portuguesas desmontaram o que eles chamaram de “redes ilegais” de cardsharing, isto significa que além dos servidores de cardsharing, outros negócios que se beneficiavam da prática também caíram através desta operação.

Para mostrar que não importa o tamanho, o que vier será combatido, as autoridades policiais de Portugal citam que a primeira ação desmantelou, no norte do país, uma rede de cardsharing onde “trabalhavam” 100 pessoas, entre manter os servidores e outras atividades necessárias ao comércio do acesso ilegal aos canais da tv por assinatura, todas as pessoas foram presas.

Na outra ponta, mais para o meio do mês, na região central de Portugal, foi fechado um servidor de cardsharing onde apenas uma pessoa era a responsável por toda a operação, este servidor no entanto servia a um grande número de assinantes em todo o país.

lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo
lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo

Por enquanto não há maiores informações sobre estas apreensões e outras ocorridas durante o mês em Portugal, que é um importante fornecedor de serviços de cardsharing para o Brasil e América Latina, conforme já foi mostrado quando um servidor que trabalhava para o Brasil foi fechado em Portugal e causou grande alarde na mídia aqui no Brasil.

Relembre o fato lendo a seguinte matéria:

Servidor de Cardsharing brasileiro que operava de Portugal e foi fechado na operação Fake Sat… Mais detalhes