Cardsharing do Canal+ manda mais um para a cadeia

953

A operadora de tv por assinatura Canal+ não está de brincadeira no tratamento da pirataria que assola o seu sinal nos satÉlites, volta e meia ela denuncia alguÉm pela pratica ilegal e acaba conseguindo a prisão do denunciado.

É o que ocorreu com um espanhol de 46 anos morador da cidade de Albacete que havia montado uma rede de cardsharing para distribuir o sinal da Canal+ e já contava com cerca de 70 clientes pagando entre 10 e 20 euros mensais.

Após a denÁºncia da Canal+ a polÁ­cia de Albacete invadiu a casa do dono do servidor de cardsharing levando ele preso, alÉm disto no local foram encontrados diversos tutoriais que ensinavam como montar e operar um servidor de cardsharing, tambÉm haviam cinco decodificadores de satÉlite, dois computadores, dois hdds, externos, um roteador, uma antena para transmissão de sinal wifi.

O sinal do cardsharing não era enviado via internet e sim por rede sem fio para os clientes nas imediações da residencia do suspeito.

O homem tambÉm vendia decodificadores de satÉlite comprados da China e já modificados para se conectarem ao seu servidor de cardsharing.

Ele será processado por crime contra a propriedade intelectual e por defraudação do uso das telecomunicações e poderá ser sentenciado a uma pena entre seis meses e dois anos de prisão.

servidor de cardsharing
Computador preparada para ser servidor de cardsharing


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here