Kodi TV Addons pagará multa de 20 milhões de dólares por pirataria

144

Há alguns dias foi fechada a plataforma online Kodi TV Addons, famoso repositório de extensões que podem (podiam) ser instaladas no aplicativo de media player Kodi a fim de acrescentar funcionalidades no media player, entre elas a possibilidade de acesso a conteúdo de tv paga de forma pirata e de fazer o cast deste conteúdo para dongles como o Amazon Fire Stick TV e o Chromecast.

Vale destacar que os desenvolvedores do media player Kodi nada tem a ver com o repositório Kodi TV Addons, condição esta já reconhecida até mesmo pela indústria oficial da tv por assinatura.

No caso, o pai do repositório pirata se chama Adam Lackman. Lackman já tinha recebido alguns processos anteriores pelo mesmo motivo e, apesar de ter perdido, por exemplo, para a Dish Network, nunca anteriormente se viu realmente obrigado a pagar indenização para as operadoras de tv e muito menos viu o seu repositório Kodi TV Addons ser retirado do ar.

Mas agora aconteceu, tanto Lackman “concordou” em pagar uma indenização aproximada de 20 milhões de dólares para quatro operadoras de tv por assinatura do Canadá quanto o Kodi TV Addons foi deletado da internet.

As operadoras de tv por assinatura que receberão a indenização são: Bell, Videotron, TVA e Rogers.

Segundo a imprensa especializada, Lackman está arrependido das suas ações que permitiram a pirataria de conteúdos da tv paga e agora pretende virar a página deste episódio na sua vida.