Viagem Mágica e NewPort Resort: pacotes promocionais com Timeshare obrigatório, saiba o que é

759

Avalie este artigo [starrater tpl=10]
Viagem Mágica e NewPort Resort, dois pacotes promocionais que são um grande sucesso nos intervalos da tv paga no Brasil, são diversos canais que exibem as propagandas das férias maravilhosas e dos pacotes promocionais oferecidos a preço de banana por estas empresas.

Nem tudo é da maneira que o cliente espectador entende, aliás, é precisa pedir muita informação antes de comprar o pacote da Viagem Mágica ou do NewPort Resort, e para dificultar o acesso a estas informações o site destas empresas tem colocado a cada dia menos informação, só sendo possível saber de alguma coisa ligando na empresa.

E aí também mora um perigo grande, pois o cliente não vai saber o que perguntar e na maioria das vezes vai viajar achando que estão incluídos ítens neste pacote que não estão.

E pra piorar tem um ítem incluído no pacote que ele nem desconfia o que é na realidade e quando chega lá no local da viagem, tem muita gente que acaba se sentindo ameaçado e até coagido por este ítem, é o chamado Timeshare, ou uma turnê pelo Vacation Club do local onde você estará hospedado.

Aliás, estratégia parecida mas simplificada é muito utilizada por grandes empresas de turismo aqui no Brasil e seus parceiros no local de turismo, quando eu fui para Porto Seguro tentaram nos vender os pacotes de passeios com uma estratégia parecida com esta do Timeshare.

Só que o Timeshare que os americanos fazem no NewPort Resort e na Viagem Mágica é bastante agressivo.

Veja o depoimento de uma pessoa que viajou para o NewPort Resort e se sentiu coagida pelo tal Timeshare:

“Ao receber os Vouchers de viagem por e-mail ou outro meio acordado com a empresa, o cliente vai notar que será obrigado a concordar com o seguinte ítem: “No 2º dia de sua chegada, você fará uma turnê do nosso vacation club (aprox. 90 minutos) é por esta razão que você conta com este fabuloso desconto promocional.”

Ou seja, você está concordando em doar 90 minutos da sua estadia no hotel em que estará hospedado para ser apresentando aos produtos que o Resort tentará lhe vender, e tentará lhe vender com a seguinte estratégia, segundo pessoas que já passaram pela experiência e não gostaram:

“No hotel existe uma estrutura montada para coagir os hóspedes, logo na chegada, após o check-in, você será encaminhado a uma mesa com uma funcionária simpática (nos outros dias vai descobrir que os empregados do hotel não costumam agir com simpatia), ela vai querer saber sobre os passeios que você pretende fazer e se você já comprou os ingressos.

Depois de colhida a informação você será informado que no próximo dia deverá obrigatoriamente participar de um café da manhã “gratuito” onde haverá uma apresentação de 90 minutos das atividades do hotel e depois desta apresentação os hospédes ganham um desconto de 75 dólares na compra de ingressos para os parques que desejam visitar.

Para garantir que você não vai deixar de participar, o hóspede é obrigado a fazer um depósito de 20 dólares a ser devolvido após a apresentação.

No dia seguinte você acorda com o maravilhoso compromisso de participar da tal apresentação, é conduzido para o seu café da manhã onde é servido um buffet bastante simples e depois começa o seu martírio.

O hospede é conduzido a uma sala repleta de mesas onde é convidado a sentar na companhia de dois vendedores que lhe apresentam o tal Timeshare do Hotel. É uma venda de cotas do Resort, a cujas atrações serão lhe apresentadas pelo vendedor durante aproximadamente três horas e depois de todo este castigo você será apresentado ao valor da cota do resort: 42 mil dólares.

Se o cliente não se mostrar interessado, mesmo assim ainda não poderá deixar a tal apresentação, é necessário receber a liberação do supervisor de vendas. O vendedor se levanta irritado com o seu não interesse por se tornar sócio do resort e você ainda leva mais um castigo de no mínimo mais meia hora aguardando ele voltar com a sua “liberação”.

Nisso voltam mais duas pessoas para questionar o motivo de você não querer adquirir as cotas do resort, estas serão pessoas mais agressivas e lhe deixarão nervoso para que você vá embora deixando para trás os seus 20 dólares e também não peça os 75 dólares de desconto para os ingressos nos parques.

E você terá participado de uma das experiências mais desgastantes da sua vida, pois acabou de cair nessa armadilha sem ao menos saber que passaria por isto.”

Então meu amigo, cuidado com este tal de Timeshare, turnê para conhecer o hotel ou qualquer outra obrigação do tipo quando for comprar o seu pacote de viagem, você estará caindo em uma estratégia de venda onde será coagido a adquirir produtos que não deseja por um valor exorbitante.

Antes de fechar o seu pacote pergunte muito, pergunto sobre o que está incluído e o que falta incluir, para não ter uma surpresa ao chegar ao local da viagem.

Apesar deste problema que lhes informei aqui, ainda tem muita gente que acha que compensa comprar este pacote promocional da NewPort Resort e da Viagem Mágica, mesmo clientes que viajaram e passaram pelo tal Timeshare, então vale a pena também pesquisar as opiniões destas pessoas sobre o assunto.

Eu considero que estes pacotes promocionais da Viagem Mágica, NewPort Resort e afins são tão bons quanto comprar uma Tekpix, mas…

E se você acha que Viagem Mágica e NewPort Resort são pacotes de viagem como você está acostumado a entender, leia agora o nosso artigo Viagem Mágica, qual é a mágica do pacote promocional que passa na tv por assinatura

newport resort e viagem magica