GLOBO PRESSIONA PSICOLOGICAMENTE SEUS JORNALISTAS E LHES CAUSA GRAVES DOENÇAS, SEGUNDO COLUNISTA DO UOL

811

Em algumas Lives que venho fazendo para o canal GPSPezquizaOficial eu trouxe algumas matérias sobre a Globo que irritam algumas pessoas que assistiram a Live ou leram as matérias no site. Foram poucas pessoas, mas vejo que ainda há quem tenha na cabeça que a Globo é uma extensão do mundo dos ursinhos carinhosos. Também durante uma destas Lives, ao falar sobre o que estava ocorrendo na emissora, eu disse que o que geralmente os sites publicam sobre a Globo são coisas muito amenas e que se pudéssemos publicar as informações que nos chegam sobre o que está ocorrendo na emissora, as pessoas provavelmente iriam achar que não é verdade.

No último dia 12 no entanto, um jornalista do UOL, Daniel Castro, teve a coragem de cutucar fundo em uma das feridas da emissora.

Por cima eu já havia comentado aqui que a saída de vários jornalistas da emissora, até bem renomados, desde o ano passado, não tem nada a ver com o motivo alegado pelos jornalistas e nem pela emissora. Eu e muitas outras pessoas que há tempos cobrem assuntos relacionados à tv recebemos de vez em quando relatos vindos de pessoas ligadas a estes profissionais, e por vezes até mesmo destes profissionais, que desgostosos com a situação que viveram na Globo procuram alguém para jogar o lixo todo no ventilador.

Agora a demissão da jornalista Izabella Camargo, diagnóstica com um grave problema psicológico e que por este problema se afastou da emissora por alguns meses, parece ter sido o estopim para que a imprensa especializada comece a soltar, sem medo de represálias, todo o estoque de segredos sujos que vem guardando sobre a Globo.

A Globo afirma que não demitiu Izabella Camargo por causa da doença mas por problemas relacionados ao trabalho. Foi opção da chefia da jornalista, que trabalhava em diversos jornais entre a madrugada e a manhã da Globo. Mas Daniel Castro já deu a real de que o clima nas redações de jornalismo da Globo é pesado, e que os profissionais trabalham como se fossem marionetes de suas chefias, apenas repetindo pautas pré-fabricadas pelas chefias de jornalismo, sendo pressionados a fazer tudo da maneira que a emissora deseja.

O medo dos jornalistas é o da demissão, já que o mercado para estes profissionais está diminuindo rapidamente e quem não tem um nome para se vender fora da Globo pode amargar tempos muito difíceis financeiramente. Na reportagem de Daniel Castro ele cita que as jornalistas são obrigadas a serem magras e bonitas, mais uma pressão que a emissora estaria fazendo em suas profissionais.

    COLOQUE seu nome e e-mail abaixo para receber nossas notícias. +100 MIL PESSOAS já cadastradas!!!
    CHEQUE AGORA SUA CAIXA DE ENTRADA para ativar a inscrição no e-mail de confirmação que foi enviado para você

O jornalista William Waack, que foi queimado pela Globo e está fazendo muito sucesso com o seu canal Painel WW no Youtube, declarou recentemente que o jornalismo da Globo é um covil de cobras, com raras exceções de pessoas de caráter.

Um outro ponto que quero colocar aqui e que não foi citado pelo Sr. Daniel Castro é que, no momento, é explícito que a editoria de jornalismo da Globo é enviesada ideologicamente e pertence a um pequeno, mas poderoso, grupo de partidos políticos brasileiro. Algumas pessoas ligadas a jornalistas que já saíram da Globo, revoltadas com a situação destes jornalistas terem se tornado marionetes de pautas ideológicas que ferem os princípios destas famílias, relatam que vários desses jornalistas também recebem e receberam pressões em seus grupos sociais por que passaram, na tela da Globo, a defender essas ideias que são desprezadas pelo meio social em que vivem. Perderam amigos e foram expostos a situações vexatórias em sua convivência social.

A pressão psicológica sofrida pelos profissionais de jornalismo é tão grave que afeta até mesmo profissionais que estão detrás das câmeras, que também estão tendo graves doenças psicológicas com desdobramento para AVC e infarto.

A emissora nega e afirma cuidar bem dos seus profissionais, no entanto, a tendência para o próximo ano é que aumentem os casos e relatos de profissionais do núcleo de jornalismo da Globo e também de outros núcleos que tem problemas tão graves quanto os jornalistas da emissora.

Está cada dia mais complicado o reino encantado da Globo se manter de pé.

Clicando aqui você lê a matéria do jornalista Daniel Castro no site Bastidores da TV.