Uruguai destruiu 10mil receptores Probox no final de fevereiro

634

Estaria o governo uruguaio engrossando as medidas repressivas para tentar conter o avanço dos receptores que pirateiam o sinal das operadoras de tv por assinatura na América Latina.

Aparentemente sim, já quem 28 de fevereiro de 2013 uma ação do governo uruguaio destruiu 10 mil receptores da marca Probox.

Estes receptores no entanto, não são frutos de importações recentes, eles foram apreendidos ao entrar no Uruguai em 2010 quanto estavam sendo transportados com destino ao Paraguai.

Esta é a maior operação de destruição de receptores de tv via satélite já ocorrida na América Latina, no entanto os receptores destruídos já não tinham mesmo valor comercial para o mercado de receptores de satélite na América Latina.

lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo
lista iptv legal 104 canais gratis ao vivo

A importação dos receptores para o Paraguai, no entanto, segue sendo legal, e em 2012 foram importados legalmente para o Paraguai um total acima de 700 mil receptores de várias marcas como Probox, Azbox, Azamérica e diversas outras similares.

Em setembro de 2012 o governo do Uruguai editou um decreto em que proibiu a venda de receptores da marca Azbox e similares em seu território e engrossou o caldo contra o uso de seus portos para a importação dos receptores com destino a outros países da América Latina, sendo que o Paraguai é o maior usuário dos portos uruguaios para importações diversas.

Na América Latina, Chile e Brasil também tem proibições similares à do governo uruguaio, e o lobby feito pela Aliança contra a pirataria de tv na América Latina está fazendo lobby para que mais países também adotem esta proibição.

A destruição dos 10mil receptores Probox é portanto um ato simbólico do que deverá ser este ano a luta contra a pirataria da tv por assinatura na América Latina.