RÚSSIA PERDEU 19 SATÉLITES DE UMA VEZ SÓ EM UM ÚNICO LANÇAMENTO

1151

Mais uma vez a Agência Espacial Russa, Roscovos, vem a público esclarecer os motivos de um lançamento de foguete mal sucedido que ocasionou na perda da carga espacial que estava sendo conduzida, desta vez foram nada menos que 19 satélites de uma vez só, o principal deles tinha custado 45 milhões de dólares para ser produzido.

E não foram somente os russos que choraram com este lançado desastroso que foi executado no mês de novembro passado e só agora esclarecido pela Roscovos, entre os outros 18 satélites que foram perdidos haviam satélites de diversas nacionalidades: Noruega, Suécia, Estados Unidos, Japão, Canadá e Alemanha.

Os satélites perdidos tinham a finalidade de controle meteorológico e estudos científicos.

Este não é o primeiro lançamento mal sucedido que a Roscovos executa, recentemente já houveram outras falhas no lançamento de satélites comerciais também com grandes prejuízos, em 2015 houve a perda de um satélite mexicano e em 2016 um satélite japônes que havia custado 273 milhões de dólares para ser fabricado foi perdido no lançamento mal logrado executado pela Roscovos.

    Deixe agora seu nome e e-mail para receber de graça nossas notícias. 94 MIL PESSOAS já recebem. APROVEITE!!!
    Você deixou seu nome e e-mail? Chegou um e-mail lá na sua Caixa de Entrada pedindo para você confirmar, FAÇA ISTO AGORA ok?

Naquelas duas ocasiões depois de algumas semanas de investigação a Roscovos informou que as falhas no lançamento que ocasionaram as perdas daqueles satélites ocorreram por erro humano, desta vez depois de algumas semanas de investigação a agência espacial russa também deu a mesma explicação, a perda do foguete espacial com toda a carga que ele carregava foi ocasionada por erro humano.

O erro no caso deste lançamento mais recente foi explicado da seguinte maneira: os lançamentos de satélites estavam sendo feitos através da base aerospacial de Baikonur, no Cazaquistão, país vizinho à Rússia, que tem uma base de lançamentos construída na época da antiga União Soviética e que é alugada pelo governo russo que também é responsável pela cidade existente no entorno desta base de lançamentos espaciais.

No entanto a Rússia construiu uma base de lançamentos espaciais em seu próprio solo, em Vostochny, e decidiu fazer o lançamento a partir desta nova base aeroespacial, mas a equipe que programa as coordenadas de lançamento que o foguete descreverá após o lançamento havia programado o foguete com as coordenadas de lançamento a partir da base aeroespacial de Baikonur, após o lançamento em Vostochny o foguete executou uma rota errada e se perdeu ocasionando a perda dos 19 satélites que estavam a bordo.

A informação foi dada pelo primeiro ministro Dimitry Rogozin através da emissora de notícias estatal russa Rossiya 24.

Hummm, parece muito erro humano para um assunto tão sério como o lançamento de cargas espaciais não é mesmo?

Será que os russos estão com algum outro problema com os seus foguetes espaciais que eles não querem que venha a público?