Nova operadora de tv por assinatura no Brasil vem para concorrer com as grandes no satélite

O site Teletime anunciou que são fortes os rumores de que mais uma grande empresa de tv por assinatura dos EUA, a Dish Network, está se preparando para aportar aqui no Brasil.

E já começa tendo adquirido a posição orbital 45°W, pagando em leilão um valor 3.500% maior que o pedido inicialmente pela Anatel, em disputa acirrada com a SKY, que também queria a posição orbital para colocar um satélite.

A Hughes, parceira da Dish, foi quem pagou 90 milhões de dólares pela posição orbital, e não quer perder tempo para preencher a 45°W com um satélite.

Apesar de a Anatel ter dado 3 anos para que se construa um satélite e o coloque na nova posição orbital, a parceria para a chegada da Disk ao mercado brasileiro não quer perder tempo e já pensa em deslocar um dos satélites mais antigos que servem à Dish Network para esta posição até o final deste ano.

Para isto ela terá que construir uma central de controle para o satélite em terras brasileiras, pois é uma das exigências da Anatel para que possa operar o satélite nesta posição.

O que também não se sabe é se a Dish Network vai arriscar e tentar entrar no mercado brasileiro sozinha, o que aumenta muito o risco de a operação não dar certo, ou tentar um namora com uma das operadoras de satélite já estabelecidas e concorrentes da SKY.

Já se sabe que a Claro TV vai bem obrigado e não deve se interessar pela parceria.

Restariam Oi TV, GVT TV e Telefônica Vivo para conversar.

Agora é esperar que a briga abaixe os valores pagos na TV por assinatura no Brasil, que cresce muito nos últimos tempos, diga-se de passagem.
Agora que você leu todo o artigo, faz favor, clica no botão do Youtube aé­ ao lado para se inscrever em nosso canal >>>

_______________________