Cardsharing e IKS são o novo pesadelo das TVs por Assinatura Telefônica e Sky

Mal deu início à implementação do sistema Nagra 3 para proteger a sua grade de programação e a Telefônica TV Digital já vive um novo pesadelo, os sistemas Cardsharing e IKS estão tomando lugar do antigo sistema de quebra das chaves de encriptação e abrindo até os canais que antes pareciam invioláveis.

Para quem não sabe, cardsharing foi a solução encontrada no exterior quando a Sky e a Dish Network fecharam seus sinais com os sistemas NDS e Nagra 3, até então invioláveis pelo sistema de quebra automática de chaves gerada no próprio receptor.

Agora que você leu todo o artigo, faz favor, clica no botão do Youtube aí ao lado para se inscrever em nosso canal >>>
_______________________

A solução para os usuários então foi montar um sistema em que é possível compartilhar as informações do seu cartão de assinatura na internet. Neste sistema o usuário que tem o cartão a ser compartilhado monta um “servidor” de cardsharing e compartilha ou vende as informações de seu cartão de assinatura para que outros usuários possam assistir à programação da operadora de tv por assinatura como se fossem assinantes daquele cartão. O receptor digital deve ficar ligado o tempo todo na internet.

Do ponto de vista legal o cardsharing é passível de processo criminal tanto para quem compartilha o cartão como para quem utiliza as informações do cartão compartilhado para abrir o sinal de tv de qualquer operadora.

No sistema IKS a solução é parecida, no entanto os fabricantes de receptores digitais via satélite que se destinam a este fim montam seus próprios servidores e disponibilizam a informação que permite abrir o sinal da operadora via internet para os receptores que devem ficar o tempo todo conectados à internet para abrir o sinal da televisão por assinatura. Neste caso não há cobrança pela informação que permite abrir o sinal das televisões por assinatura.

Fabricantes de receptores digitais via satélite como o Probox e Azbox já começaram a disponibilizar a seus usuários os servidores de IKS.

Vale a pena lembrar que no Brasil os provedores de acesso à internet estão todos na mão dos donos de TV por assinatura, o que facilita o rastreamento tanto de servidores quanto de usuários dos sistemas acima citados.

About Richard Lima

Richard Lima é um entusiasta da tv digital via satélite e se tornou o principal mantenedor do GPS.Pezquiza.com

Comments

  1. Roberto D'avilla says:

    Papo Furado esse hein, com certeza tem gente construindo servidores e quem vai ultilizar isto, são talvez 20% dos que possuem os decodificadores, talvez as vendas de equipamentos caia, outros irão assinar por via legal.
    Meu questionamento é se essas próprias empresas como Embratel e Sky não estariam também envolvidas nisso, pois pense um pouco, seria a maneira mais fácil de sonegar impostos. O problema que o MP não iria investigar um negócio do próprio dono, dá vontade de pegar um avião e se mandar nesse país de mediocre, pois só tem acesso a bons produtos que tem dinheiro, paisinho de gente hipócrita e mentirosos. Enquanto na Europa um faxineiro pode passear de avião, ter boa qualidade internet e acesso as comunicações em geral, no Brasil temos que mendigar para ter alguma chance. Isto é uma vergonha.

  2. pedro luiz says:

    simples é so quem tem produtos da telefonica e tem receptor mude ou cancele para uma outra operadora e fazer chegar até a telefonica a noticia o quanto ele vai perder sei que ai em são paulo ja existe um movimento no parana vai comecar onde tem o maoir nunero de receptores é no sul e la o bicho pega eles são radicais e as coisas vao mudar

  3. As grandes empresas que prestam serviços de telefonia, internet e TV por assinatura não estão dando conta. O que mais podemos fazer por uma empresa que diz que vai melhorar. Fica 1 ano inteiro promentendo a seus atuais e futuros assinantes que a qualidade prestada será melhor, e inclusive adotam o seguinte slogan: “Melhorar sempre”
    O que estou vendo é que algumas pessoas, muito mais inteligentes, estão determinadas para disponibilizar serviços de qualidade, mas não conseguem chegar no topo porque a burocracia aqui é grande. É como o Roberto D’avilla disse, enquanto lá fora a classe baixa tem qualidade nos serviços prestados, nós aqui pagamos caro para não ter nem ASSISTÊNCIA e ATENDIMENTO que PAGAMOS.
    A quanto tempo temos internet e TV por assinatura no no Brasil…Mas muita gente se acomoda por ter uma qualidade HD em casa. Não vou mentir, é uma qualidade em tanto. Mas, será que vale mesmo tudo isso?

  4. Rafael says:

    O Mas legal é que os cara ainda anunciam o serviço pirata em meio aos comentarios, eu uso o CS e não acredito que nenhum imbecil nesse Brasil de merda vai prender alguem por fazer uso disso, quem fornece o serviço ai é mais complicado, mas não deveria de ser , pois como já falaram ai , aqui na merda do terceiro mundo tem que mendigar pra ter uma merda, e tv por assinatura é só pra playboy e rico, pelo menos agora já da pra maldita classe média que por falar nisso já está ficando extinta , daqui uns dias ou é rico ou é miseravel. Um Abraço.

  5. Santos says:

    Isso tudo acabaria se eles colocassem preços acessíveis para todos para estes pacotes completos de Tv por assinatura.
    VC Compraria aparelhos de R$ 500 que quebram codificação em vez de pagar R$30 a R$40 num plano completaço?

    É SÓ BAIXAR OS PREÇOS DOS PACOTES COMPLETOS P/ R$30 A R$40 QUE ISSO TUDO ACABA!!!

  6. Roger says:

    o amigo Santos tem toda razão se a SKY ou Via Embratel baixasem os valores ninguem gastaria comprando um recepitor caro e tem mais dispesas intenet e o servidor de cs

    abraço a todos

  7. admin says:

    Concordo, a assinatura oficial sempre será melhor, mas o governo tambem tem culpa do valor alto já que fica com mais da metade do valor

  8. NINO says:

    E no sistema SDS (SKS) ? como rastrear ?
    Nesse caso vai minhas sugestões:
    Sugestão 1: Fazer como no Irã e confiscar todas as parabolicas no Brasil
    Sugestão 2: Investir mais em tecnologia e melhorar a codificação do sinal para evitar ser quebrada
    Sugestão 3: Diminuir o preço da assinatura, pay per view, etc que é um abusivo no Brasil.
    Sugestão 4: Deixar do jeito que está pois daqui um pouco ninguem mais vai querer pagar R$250,00 para ver alguns canais em HD, sendo que o vizinho assiste de graça.