LASCOU!!! Governo quer acabar com cota de compra no exterior e tributar tudo

157

Você aí que está todo contente em poder viajar ao exterior e trazer uma câmera fotográfica, um smartphone e não precisar pagar imposto sobre isto.

Você que faz a sua compra de até 50 dólares em sites internacionais – Aliexpress entre eles que é o meu preferido – e não precisar pagar impostos na maioria das vezes que essas compras chegam aqui no Brasil. Siml pois a regra é de pessoa física para pessoa física a transação de envio internacional.

Se encaixou nestas duas opções acima? Abre o olho por que o nosso querido Governo Federal está querendo acabar com a nossa graça.

Desde o final do mês passado o nosso novo Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, aquele que já foi do Lula e agora voltou para ser do Temer, anunciou que está estudando acabar com a isenção de tributação de compras no exterior para as cotas estipuladas tanto para viagem quanto para compras via correios e transportadoras.

    Deixe agora seu nome e e-mail para receber de graça nossas notícias. 94 MIL PESSOAS já recebem. APROVEITE!!!
    Você deixou seu nome e e-mail? Chegou um e-mail lá na sua Caixa de Entrada pedindo para você confirmar, FAÇA ISTO AGORA ok?

A nova regra que o Governo deseja é de cota zero, comprou pagou imposto, é 60% mais o ICMS do estado de destino.

Se houver muita choradeira pelo fim da cota – e vai ter com certeza – a ideia é implantar uma cota “simbólica” mas não foi ainda dito pelo nosso Ministro da Fazenda qual o valor que ele considera simbólico, será que ele já não acha uma cota de US$ 50 para compras via Correios um excelente simbolismo?

Eu fico imagindo quanto tempo irá demorar para chegar uma encomenda em nossa casa a partir do momento que for estipulado o fim da isenção de tributação para encomendas internacionais que hoje tem direito a uma certa cota, já que atualmente leva até quatro meses para chegar um produto comprado na China, por exemplo.

E as filas nos aeroportos sendo que a pessoa vai ser obrigada a declarar até a balinha que comprou lá fora, já chupou e está na barriga?

Tá complicado esse negócio de ser brasileiro e viver só pra pagar impostos que somem sem nem chegar perto de virarem benefício para quem pagou.