JOGOS DA SELAÇÃO BRASILEIRA SEM GLOBO com ajuda da tv Ei, NA TV CULTURA E talvez no FACEBOOK

2285

A Globo tem que fazer um esforço no sentido de conseguir o impeachment do presidente da CBF pois se as coisas continuam no rumo que estão ela pode perder de vez as rédeas do seu produto mais rentável, o futebol brasileiro.

Não bastasse a revolta do Atletiba, que já fez por três ocasiões transmissões bem sucedidas de suas partidas ao vivo através do Youtube e do Facebook, desta vez é a CBF que não fechou acordo com a emissora com quem mantém uma parceria secular e vai transmitir os dois próximos amistosos da seleção brasileira de futebol principal através da TV Cultura, de quem comprou horário para fazer uma transmissão com “recursos próprios”.

Acontece que os tais recursos próprios estão se mostrando ser os mesmos utilizados com sucesso pela parceria de Atlético Paranaense e Coritiba, a equipe técnica da TV Esporte Interativo.

    Deixe agora seu nome e e-mail para receber de graça nossas notícias. 94 MIL PESSOAS já recebem. APROVEITE!!!
    Você deixou seu nome e e-mail? Chegou um e-mail lá na sua Caixa de Entrada pedindo para você confirmar, FAÇA ISTO AGORA ok?

Os amistosos serão narrados pelo locutor da Ei, Nivaldo Prieto, e terá comentários do ex jogador Denilson e do mito Pelé, que já estragou várias transmissões com os seus comentários, mas tá contratado para estes dois amistosos pela pequena fortuna de R$ 400 mil.

Vale lembrar que a seleção brasileira vem numa alta de popularidade por conta da excelente campanha comandada pelo técnico Tite e que o primeiro adversário da seleção brasileira será a sua maior rival, a Argentina, no dia 09 de junho, e no dia 13 de junho a seleção brasileira enfrenta a seleção da Austrália.

Já correm alguns boatos de que a CBF cogita transmitir a partida também através de live no facebook, aos moldes do que foi feito no clássico Atletiba.

Teria sido o desejo do presidente da entidade em transmitir as partidas através da internet o maior motivo de desentendimento entre a CBF e a Globo, já que a CBF exigia que a emissora pagasse um valor extra pelo direito de transmissão da partida via internet ou abrisse mão deste direito para que ele fosse negociado com outros interessados.

E o tal direito de transmissão via internet ainda vai dar muita dor de cabeça à Globo.